50 anos a mil no dia da mentira

Quem aguenta esta mania de pregar peças nos outros no primeiro de abril? Eu sou meio mau humorada com estas coisas..

A verdade é que hoje comecei a ler a biografia do Lobão, 50 anos a mil.

O cara é um porre; reaça ‘loco’. Mas eu ganhei o livro e gosto de biografias. Então….  🙂

Ps: Terminei a leitura e tenho o seguinte a comentar: o livro foi muito bacana até a metade, mais ou menos. Gostei de conhecer um pouco do que foi a família do Lobão, de sua trajetória, das músicas que compôs. Após a metade do livro comecei a achar o texto chato. Acho que coincide com a época em que ele fica afastado da mídia, não sei. Li até o fim, mas conversei com outras pessoas que acharam o mesmo.

1 comentário em “50 anos a mil no dia da mentira”

Deixe uma resposta