Em Geral

Sementes de alamanda

A alamanda é esta planta aqui. Sempre lindona e viçosa. E se você está se perguntando de onde surgem suas sementes, chegou ao lugar certo.

Há mais ou menos uns 5 meses brotaram nos galhos da alamanda rosa (na amarela não demos notícia) estas bolotas espinhosas, verde clarinhas e espinhosas. Vasculhando a rede, descobri que, na verdade, tal bolota é um fruto em forma de cápsula, que, quando amadurece, torna-se rígido, escuro e abre-se em dois (bivalve), liberando um certo número de sementes. Os espinhos que também eram macios tornam-se bem rijos.

Abaixo, na primeira foto, o fruto ainda verde e na segunda e terceira fotos o fruto já aberto e algumas sementes esperando o vento e a força da gravidade atuarem. Afinal, para elas, é só o início de uma longa jornada. Se alguma delas vai encontrar ou não uma terrinha para brotar é que são elas.

As que caíram na nossa varanda, como não poderia deixar de ser, já foram agraciadas. Só não sei se vão vingar.

Sair da versão mobile