Em Geral

Pudim de pão de queijo

Outro dia, procurando informações sobre cervejas de marcas diferentes, encontrei o blog do Jean, o Pão e Cerveja.  Vasculhando suas receitas, encontrei uma no mínimo curiosa, a do pudim de pão de queijo, que tratei de experimentar na primeira oportunidade.

Então, vamos lá. No lugar do polvilho azedo eu usei o doce e, no lugar da ricota, eu usei um pouco de queijo cottage. A ideia era usar ricota mesmo, mas só me dei conta de que não a tinha em casa quando os ingredientes líquidos já estavam no liquidificador. Então, usei o cottage.

No mais, fiz a receita de acordo com as recomendações do Jean. Tenho a impressão de que minha massa ficou um pouco mais rala do que deveria em razão da troca da ricota pelo cottage e de que eu – talvez – tenha retirado o pudim do forno um pouco antes do tempo. Mas, de qualquer forma, valeu a experiência.

Agora, o mais engraçado: de 10 pessoas que comeram do pudim 05  acharam sua consistência estranha. As outras 05 adoraram. Eu me incluo na segunda categoria; achei o pudim muito gostoso, diferente, exótico. Creio que o tipo de queijo possa ser trocado, mas o parmesão dá um toque especial, mais forte.

E nós também inventamos uma moda com o pudim: cortamos algumas  fatias  e as colocamos na misteira. O gosto do queijo foi realçado e as ranhuras queimadinhas deram uma cara apetitosa e suculenta.

Bom, obrigada ao Pão e Cerveja pela receita. Farei outras sugeridas no blog.

Sair da versão mobile