Guacamole é bom demais!

Engraçado como são os costumes gastronômicos. Eu tenho uma sobrinha que, aos 6/7 anos, estranhou ao me ver comer abacate com açúcar.

– Eca, disse a menina, que coisa nojenta!

Na casa dela não tinha essa de adoçar abacate. Eles não tem hábito é de adoçar coisa alguma, nem mesmo chá, o que, diga-se de passagem, é algo bem saudável. Mas, voltando ao caso, eu achei muito engraçado a reação dela, pois estranho mesmo era eu ver abacate amassado com alho, sal, tomate, cebola e coentro. Minha mãe sempre fazia aquelas abacatadas deliciosas, bem docinhas e com bastante limão.

O tempo se passou, eu vivi experiências novas e pronto. Aderi completamente í  comida estilo mexicana. O que não dá é ficar bitolado, né? Porque quem diria que  sanduí­che industrializado com frango e abacate é bom ou que  cachorro-quente com abacate é gostoso?

Enfim, na última incursão í  cozinha decidi que daquela vez não terí­amos abacatada, mas guacamole! Foi pena eu não ter em casa um pacote de Doritos, um bom substituto para as tortilhas mexicanas.

Deixe um comentário