Viagem pelo cerrado – Brasília

Continuando nossa viagem, estivemos em Brasília a caminho da Chapada, por dois dias. A capital é velha conhecida de todos, ainda que pelos telejornais. Eu já tinha estado na cidade. Ele não e, ao final de nossa estadia, tirou a mesma conclusão: Brasília é muito bacana se você estiver a passeio. Para morar talvez não seja a melhor escolha. Pelo calor, pela secura do ar, pela distância de tudo ou pela impessoalidade que passa aos visitantes.

De qualquer forma, tivemos um tempo bom por lá. Visitamos os locais de praxe, fomos a um ótimo restaurante/bar mexicano e a uma sorveteria deliciosa, a Saborella. Quem já passou por aqui sabe o quanto apreciamos a iguaria e que quando falamos que é bom, pode apostar. 🙂

É aquela coisa, né, se você é um aspirante a servidor público e, ao alcançar o objetivo, precisa ir pra Brasília, ok. O lance é rezar pra conseguir voltar pra casa logo. E olha que Belo Horizonte já está ficando quente demais. Quente e seco demais.

2 comentários sobre “Viagem pelo cerrado – Brasília”

  1. É.. pensando bem, também tenho esta sensação. Às vezes acho Brasília bacana pra morar.. outras vezes acho péssima. Também tenho familiares em BSB, mas havia muito tempo que não os visitava. Fiquei assutada quando vi a quantidade de carros nas ruas. Mas este é um problema de todas as grandes cidades brasileiras, né? BH está virando um verdadeiro caos.

  2. Também acabei de voltar de Brasília, neste fim de semana. Meus sogros moram lá e vamos com alguma freqüência.

    Acho uma cidade interessante, que deveria ser visitada pelo menos uma vez na vida, pelo dever cívico e pela experiência de conhecer uma cidade planejada para ser o centro de comando do país. Mas acho que as coisas legais se esgotam em pouco tempo. Três dias na cidade é o que basta para conhecer.

    Quanto a morar, ora eu acho que Brasília é uma boa cidade, ora eu a acho péssima! 🙂

Deixe uma resposta