Em Geral

Um blog sobre todas as coisas Em Geral

Alimentação de bebês de 1 ano – Abaixo o Danoninho!

Fico espantada ao ver o que algumas mães costumam dar a seus bebês de apenas um ano de idade. Biscoitos doces, Danoninho e até frituras. Realmente não consigo entender, pois tenho um desejo imenso que meus filhos saibam o que é comer bem e que desejem isto. Ou seja, que não se sintam no futuro  obrigados a optar pelos alimentos mais saudáveis, mas que os prefiram. Sei que isto é possível; tenho exemplos na família.

Não digo que somos os maiorais em matéria de alimentação. Cometemos muitos erros no dia-a-dia. Mas em relação aos meninos tento ter o maior discernimento possível e não ofereço, de maneira alguma, doces, frituras e reduzo ao máximo os produtos industrializados.

Enquanto isso vamos todos da casa nos alinhando e trabalhando para uma melhor alimentação. Informação é o que não nos falta hoje em dia. Eu mesma sou uma Vigilante do Peso há muitos anos.

Às vezes bate uma dúvida na hora do lanche. A gente quer variar e fica meio perdido.

Normalmente dou a clássica fruta amassadinha. Mas faço também gelatinas naturais, (usando a gelatina sem sabor mais um suco bem gostoso – sem açúcar), dou damasco e ameixa em pasta. Já dei também canjica de milho com um pouquinho de leite, sem açúcar.

Neste friozinho também ofereço frutas assadas; de vez em quando com um pouquinho de canela para variar.  Eu asso banana, pêra e maçã, que podem ser acompanhadas  de um bom iogurte natural, integral, sem açúcar. Ofereço primeiro todo o iogurte, que eles comem com a melhor boca do mundo e depois a frutinha, naturalmente bem mais doce.

Quando faço um suco mais ácido, tipo maracujá ou cajá-manga, tenho adoço com o caldinho natural do damasco seco (para consegui-lo basta deixar os damascos de molho de um dia para outro). Fica delicioso.

Ainda quero testar várias ideias para os lanches da manhã e da tarde. E se forem legais e fizerem sucesso com a turma aqui de casa posto no EmGeral.

O mais importante é o alerta para as mães. Questione-se antes de fornecer um alimento para seu filho. Não é porque a indústria disse que ele é bom, que ele é perfeito, que ele é de verdade! Há muitos interesses rondando as latinhas e potinhos encontrados dos supermercados. Abra o olho.

🙂

Na foto, o lanche de ontem. Iogurte natural e maçã assada.

1 comentário

1 comentário até agora

  1. […] falei sobre alimentação de bebês e sobre como faço para não ofertar açúcar para nossos […]

Leave a reply