Monte Verde, Minas Gerais – parte 2

Monte Verde não é apenas um antro de comilança. A natureza do lugar é muito, mas muito bela. Há inúmeras opções de passeios, a pé ou a cavalo, para todo tipo de pessoa: de crianças a idosos, de preguicosos a animados.

Há trilhas de apenas 30 ou 40 minutos, como as que te levam ao Chapéu do Bispo e à Pedra Redonda. De 1h30m chegando no Platô ou na Pedra Partida. E até trilhas de 2h30m chegando ao Pico Selado. Estes, claro, são os pontos turísticos mais famosos de Monte Verde, mas, com toda certeza, há ainda muito mais o que ver na região, o que deve ser feito com a presença de um guia local para evitar aborrecimentos.

No nosso caso, fizemos todas as caminhadas possíveis e foi muito bom. Abaixo, algumas imagens da vista que se tem quando se chega ao destino das trilhas.

1 comentário sobre “Monte Verde, Minas Gerais – parte 2”

Deixe uma resposta